Mundo cervejeiro

Cicerone chega ao Brasil e a sommeliére Beatriz Ruiz, única pessoa certificada no país, dá dicas de como passar no teste

O Brasil ama cerveja. E assim que como toda paixão nacional, a bebida não foge à regra e possui milhões de entendedores. Mas o que era conversa de bar se tornou profissão e ciência, transformando o Brasil em um dos países em que mais se estuda a bebida no mundo. Um reflexo disso é a chegada ao país da mais importante certificação cervejeira do mundo, o Cicerone, com etapas já agendadas para os dias 11 e 17 de novembro em Porto Alegre-RS.

Criado em 2009 nos Estados Unidos, por Ray Daniels, membro do Siebel Institute of Technology e ex-colaborador do Brewers Association, o Cicerone certifica Sommeliers em todo o planeta. Para isso, é necessária uma longa avaliação prática e teórica, dividida em três etapas, sendo a primeira um bloco com 178 perguntas, a segunda um teste cego com 12 amostras e a última, um teste prático de análise e montagem de equipamentos.

No Brasil, apenas uma pessoa possui a certificação. É a paulistana Beatriz Ruiz, gerente de conhecimento cervejeiro da Cervejaria Ambev e fundadora da confraria Goose Island Sisterhood. Ela foi certificada em maio de 2018. “É uma prova muito difícil. Foram 4 horas de prova, que exigiu um conhecimento bastante aprofundado de qualidade. Espero que mais brasileiros consigam esse Certificado, pois temos muitas pessoas trabalhando com cerveja no Brasil e precisamos mostrar isso para o mundo de várias formas”, conta Beatriz Ruiz.

Pensando nisso, Beatriz Ruiz selecionou sete dicas para quem quer conseguir um certificado Cicerone:

  1. O processo de preparação para a prova exige tempo intenso estudo. “Para mim funcionou como uma grande revisão, um aprendizado. Olhei novamente para coisas que tinha esquecido ou não tinha absorvido em minha formação”, afirma.
  2. Materiais que podem servir como base são: o guia do serviço de chope da Brewers Association, e os livros Tasting Beer, de Randy Mosher, e The Oxford Companion to Beer, de Garrett Oliver.
  3. Um outro item que deve ser lido e relido é o guia de estilos do BJCP, instituição que certifica juízes de campeonatos cervejeiros. Nele é possível encontrar até as respostas mais específicas, como teor alcoólico ou IBU (índice de amargor) de determinada cerveja.
  4. O teste cego é uma das principais etapas de avaliação. Por isso, é importante praticar bastante, com foco principalmente na detecção de estilos e off-flavors, que são as falhas ou defeitos nas cervejas.
  5. A variedade e as formas de harmonização também têm destaque na avaliação. Vale pesquisar o que tem sido feito no mundo em termos de harmonização e o que os principais mestres, sommeliers e cervejarias do mundo estão sugerindo.
  6. O ideal é que se tenha um foco especial para os temas relacionados ao chope. São muitas perguntas com um grau de dificuldade alto sobre o tema.
  7. Um ponto pouco lembrado mas vital para quem se sair bem na prova é a montagem, manutenção e limpeza dos equipamentos que fazem parte do dia-a-dia da profissão. Vale se aprofundar bem no funcionamento da chopeira, por exemplo, todas as suas partes e sua utilização.

Para quem se interessa em realizar a avaliação, as inscrições podem ser feitas pelo www.cicerone.org

Goose Island Sisterhood

Além de ser a única certificada com o Cicerone no Brasil, Beatriz Ruiz também é fundadora da confraria Goose Island Sisterhood, marca da Cervejaria Ambev, cujo objetivo é informar e empoderar as mulheres sobre o universo cervejeiro, inclusive, produzindo as próprias cervejas.  Atualmente, nove meninas estão na linha de frente, mas 900 mulheres fazem parte do grupo no Facebook. Todo o lucro da venda das cervejas da confraria é doada para instituições que lutam em causas feministas.

Anúncios

0 comentário em “Cicerone chega ao Brasil e a sommeliére Beatriz Ruiz, única pessoa certificada no país, dá dicas de como passar no teste

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: