Mundo cervejeiro

Você sabia que hoje é o Dia da Lei da Pureza Alemã?

SIGA NO INSTAGRAM: @PUBLI_CERVEJA

Conheça 5 curiosidades sobre esse tema tão polêmico no meio cervejeiro

  1. ESCOLHA DE INGREDIENTES ERA QUESTÃO DE JURAMENTO:Em 1487, um duque da Baviera exigiu que todos os cervejeiros de Munique fizessem um juramento público de obediência que dizia que só podia usar lúpulo, cevada e água na cerveja, ato que serviu de inspiração para a promulgação da Lei da Pureza (Reinheitsgebot).
  2. CONSEQUÊNCIAS ATÉ NO PREÇO:Anos mais tarde, outros duques estabeleceram a lei em 23 de abril de 1516, completando 504 anos hoje. A lei regulava, além dos ingredientes permitidos, o preço de venda da cerveja.
  3. ABENÇOADA SEJA A CEVADA E O LÚPULO:A lei se tornou a mais famosa referência sobre padronização de cerveja devido à abrangência territorial. Foi nesse período que se instituiu, definitivamente, a cevada e o lúpulo como ingredientes básicos da cerveja.
  4. O PÃO LÍQUIDO:Um fator que influenciou a lei foi a necessidade de conter o preço do trigo, pois a alta demanda pelo ingrediente estava deixando o pão mais caro. Em 1906, o trigo e a levedura passaram a ser incluídos no decreto.
  5. PARA TODA REGRA EXISTE UMA EXCEÇÃO:A lei perdeu força em 1987 quando cervejeiros apelaram à Corte, transformando-a em Vorläufiges Deutsches Biergesetzb (Lei provisória da Cerveja Alemã). Ainda com essas mudanças, os alemães continuaram fiéis à tradição, preferindo cervejas que seguem a Reinheitsgebot.

0 comentário em “Você sabia que hoje é o Dia da Lei da Pureza Alemã?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: