Novidades

ASICS Lume Club encerra jornada do projeto com brilhantismo na Maratona de Paris

SIGA NO INSTAGRAM

O ASICS Lume Club encerrou seu primeiro ciclo em um domingo marcante na capital francesa. Em uma manhã fria e ensolarada no último final de semana, as seis corredoras amadoras escolhidas pela ASICS tiveram a oportunidade de participar da Maratona de Paris, uma das maiores e mais tradicionais do planeta, e também patrocinada pela marca. O objetivo do projeto, que é reforçar a presença da mulher na corrida, reverberou pelos clássicos pontos do trajeto.

Gisa, Paula, Andressa, Fernanda, Ludmilla e Marina, o time ASICS Lume Club escolhido a dedo, passou por um intenso processo de preparação (física e mental), que de certa forma dialoga com suas trajetórias de superação. Ao longo de três meses, as corredoras treinaram em conjunto, com apoio de Marcelo Avelar e mentoria de Adriana Silva, dois corredores de rua e maratonistas extremamente prestigiados e consagrados. As participantes ainda receberam palestras e conteúdo teórico sobre o corpo feminino na corrida, alimentação, as tecnologias dos tênis disponíveis, preparação mental, e outras temáticas fundamentais para o preparo.

“A potência das mulheres é capaz de transformar o esporte e, em especial, a corrida. O objetivo do ASICS Lume Club foi e é dar a oportunidade para que estas corredoras mostrem o brilho de suas trajetórias e o que podem alcançar com sua dedicação. Estamos muito orgulhosas por tudo o que foi feito, desde o primeiro momento do anúncio até o final da maratona, em que a emoção tomou conta de todas. O sucesso desta jornada nos motiva para continuar contando estas histórias, além de proporcionar mais experiências e momentos como os que foram vividos em Paris”, conta Constanza Novillo, Diretora de Marketing da ASICS na América Latina.

Gisele de Oliveira, a Gisa, foi a Paris com o objetivo de completar a sua primeira maratona, aos 42 anos, e a chef de cozinha conseguiu com maestria. Paula Narvaez é estudante de nutrição, influenciadora digital, mãe e apaixonada por corrida. Ela já tem mais de dez maratonas no currículo. Dessa vez não só concluiu muito bem a prova, como ficou no TOP100 entre todas as mulheres. Andressa Lopes foi para a Cidade Luz com um objetivo pessoal claro, derrubar a marca da única maratona oficial que ela já havia feito. E a nutricionista não deu folga para o relógio, diminuindo em quase 4 minutos o seu tempo e fechando em Paris com 3:24:21.

Fernanda Marques, apenas por estar em Paris, já se considerava uma vencedora mesmo antes do começo da prova. Depois de vencer a luta contra um câncer, ela agora venceu também o desafio de completar a sua primeira experiência em uma maratona na vida. A gerente de finanças Ludmilla Maschion estava com saudades de correr maratonas após dois anos parada por conta da pandemia. Com um ótimo retorno, quebrou seu recorde pessoal no trajeto da capital francesa, fechando em um sub4. Marina Ferrari, além de jornalista responsável por cobrir todo o projeto, teve em Paris um grande sonho realizado ao completar a sua primeira maratona. Há poucos dias, sua maior distância percorrida havia sido de 25 km, superados pelos 42km da maratona.

Adriana Silva e Marcelo Avelar também participaram da maratona. A mentora do projeto ASICS Lume Club e atleta ASICS há mais de 10 anos estreou na prova de Paris e finalizou com autoridade, terminando entre as 33 mulheres mais rápidas. Já o treinador e fundador da assessoria de corrida Corredores da Zona Norte, motivou e preparou todo o time, além de correr toda a prova junto de Adriana e do embaixador ASICS Nicolas Prattes, que foi incentivador do projeto e bateu seu recorde pessoal em maratonas, finalizando com um sub3 de 02:53:31. Adriana Leal e Gustavo Maia, outros dois embaixadores da ASICS, também correram a prova junto dos demais e finalizaram com ótima performance pessoal.

De volta ao Brasil, a primeira equipe do ASICS Lume Club reúne gratidão e alegria. “Foi um processo que, sem dúvida, mudou as nossas vidas. Precisávamos disso, mesmo sem saber. Pessoalmente, saio engrandecida desse processo e muito motivada para continuar me movendo para a frente, tendo a corrida como um dos motores da minha trajetória. Sou muito grata a Paris e ao Lume Club”, relata Gisa Oliveira, participante do projeto.

A campeã da Maratona

A queniana Judith Jeptum fez uma prova brilhante. Do começo ao fim esteve dentro do pelotão que liderava e a partir do 28ºkm fez um ataque avassalador para se isolar na liderança e nunca mais sair. Tempo final de 2:19:48, novo recorde da prova francesa para a primeira mulher a correr a Maratona de Paris abaixo de 2h20min.

SIGA NO INSTAGRAM

0 comentário em “ASICS Lume Club encerra jornada do projeto com brilhantismo na Maratona de Paris

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: